TCE identifica irregularidades na Datanorte e no DER

O corpo técnico do Tribunal de Contas do Estado (TCE) apontou irregularidades quanto à compra de vales transporte dos funcionários da Datanorte, totalizando anualmente o montante de R$ 244.800,00 ( Duzentos e quarenta e quatro mil e oitocentos reais). O Diretor-Presidente da Datanorte à época, José Domingues de Carvalho Neto, não atendeu a nenhuma das três citações realizadas pelo TCE.

O processo foi relato pelo conselheiro Renato Costa dias e julgado na sessão da Segunda Câmara, hoje(17) pela manhã. O órgão decidiu pela condenação à revelia do senhor José Domingues de Carvalho Neto e conseqüente aplicação de multa, além do ressarcimento ao erário correspondente ao valor de 20.579,41(vinte mil quinhentos e setenta e nove reais e quarenta e um centavos).

A Segunda Câmara detectou ainda irregularidades em licitações do Departamento de Estradas e Rodagens(DER) referentes a processos do ano de 2001. Foram observadas a ausência de comprovação de retenção de ISS; diferença entre serviços pagos e não realizados na ordem de 13. 320,00( treze mil trezentos e vinte reais); e não obediência e alteração do projeto básico.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

junho 2024
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  
Categorias