Superintendente do IBAMA afirma que tecelagens terão que interromper despejo no Rio Piranhas

alvamarqueirozO superintendente do IBAMA RN, Alvamar Queiroz (na foto), esteve em Caicó, nesta segunda-feira (8), para palestra na 1ª Conferência Regional de Saúde Ambiental. Na oportunidade, ele ressaltou que o órgão continua a intensa fiscalização na bacia do rio Piranhas/Assú.

E ele é categórico quando afirma que “a solução imediata é cessar a poluição”, por isso os municípios assinaram o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC). “Sabemos que vamos enfrentar problemas como curtume, salinas e carcinocultura”, disse Ivamar.  

Atualmente o IBAMA está fiscalizando as tecelagens em Jardim de Piranhas. O  superintendente lembrou que o Poder Público e Justiça estão sensíveis aos pequenos empresários, para poder equacionar uma solução, como a lagoa de estabilização, para não prejudicá-los.

Uma resposta

  1. Taí, Xerife, uma pessoa de bem, íntegra. E sen lero nenhum.
    Alvamar é gente de bem.
    Quem dera nossos homens públicos, principalmente os políticos profissionais, se espelhassem em Alvamar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

março 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
Categorias