Sony vai deixar de vender TVs, câmeras e fones no Brasil

A Sony anunciou nesta segunda-feira (1º) que encerrará suas atividades comerciais no Brasil até o final de março, interrompendo a venda de produtos como TVs, câmeras e equipamentos de áudio.

A venda dos videogames Playstation 4 e Playstation 5, que são importados, continua. A atuação em outras áreas, incluindo a Sony Pictures e a Sony Music, também permanece. A assistência técnica e garantia de todos os produtos da marca será mantida “pelo tempo necessário, estando em conformidade com os regulamentos e requisitos locais de proteção aos consumidores”, segundo um comunicado da empresa.

Em 2019, a Sony também deixou de vender celulares no Brasil, em uma decisão que incluía toda a América do Sul, América Central e Oriente Médio. A medida foi tomada levando em consideração a queda nas vendas de seus smartphones ao redor do mundo.

O encerramento do comércio no Brasil tinha sido divulgado em setembro passado, quando a Sony fechou sua fábrica após quase cinco décadas no país. A fábrica em Manaus mantinha 220 funcionários.

Em dezembro, a Mondial comprou o terreno, a fábrica e os equipamentos da Sony para produzir TVs, micro-ondas e aparelhos de ar condicionado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

agosto 2021
D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  
Categorias

Somente Jácome

O único deputado federal potiguar a se abster, na votação do Projeto de Lei que libera as terceirizações irrestritamente no Brasil, foi Antônio Jácome (PTN).

Leia Mais

Propaganda eleitoral em pequenas doses

O horário eleitoral traz um calhamaço de informações que, muitas vezes, são desprezadas pela população. Pensando nisso, o marketing dos candidatos tem investido nas inserções

Leia Mais