SETHAS/RN renova Termo de Colaboração com o Centro Feminista 8 de Março de Mossoró (RN)

Através de ato publicado no Diário Oficial do Estado a Secretária de Assistência Social do RN, Iris Maria de Oliveira, autorizou a renovação do Termo de Colaboração nº 001/2020, firmado com o Centro Feminista 8 de Março, que fica sediado em Mossoró (RN), no valor de R$ 580.235,00, em projeto de confinanciamento para viabilizar o acolhimento de até 20 mulheres, vítimas de violência doméstica/familiar, durante o contexto da Pandemia do COVID-19, com vigência de 05 meses.

O Centro Feminista 8 de Março, tem como diretoras as pessoas de Hilberlândia Ferreira de Andrade e Francisca Vaníria do Nascimento, que na época do Governo Dilma Rousseff, entre os anos de 2013 e 2014, firmou contratos da ordem de R$ 4.400.817,54, com o Ministério do Desenvolvimento Agrário, na prestação de serviços de Assistência Técnica e Extensão Rural para mulheres, no fortalecimento de Produção Agroecológica.

Os Ministérios Públicos Federal e Estadual em Mossoró (RN), deveriam investigar esse tipo de colaboração financeira, pois os recursos são Federais, e consta como ação na área da Assistência Social para o enfrentamento do novo Coronavírus.

Para demonstrar transparênica, o Centro Feminista 8 de Março, deveria apresentar os nomes das mulheres beneficiadas pelo projeto, que foram vítimas de violência doméstica/familiar em Mossoró, entre setembro de 2020 a fevereiro de 2021.

Uma resposta

  1. Todo mundo sabe em Mossoró que esse centro feminista não passa de um comitê político do PT, uma ONG criada pra receber recursos dos governos para financiar campanhas políticas de candidatas do PT, Dilma, Fátima, Isolda, Natália e Marilsa, em ano de eleição vira comitê eleitoral dessas pessoas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

fevereiro 2024
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
2526272829  
Categorias