Se Lula não se rendesse, PF invadiria o sindicato

A Polícia Federal já havia elaborado um plano de contingência para prender Lula caso ele não se entregasse. O Plano B seria colocado em prática na manhã deste domingo, depois das 6h. Agentes federais invadiriam a sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC paulista, para executar o mandado de prisão emitido por Sergio Moro. Em contato com dirigentes da PF, o juiz da Lava Jato revelou-se irritado com a pajelança política promovida por Lula em São Bernardo do Campo.

O acordo que evitou a detenção de Lula na marra foi costurado no eixo São Bernardo-Brasília-Curitiba. Ex-ministro da Justiça no governo de Dilma Rousseff, o petista José Eduardo Cardozo teve papel central na negociação. Sua participação injetou ironia no processo, pois Lula e a cúpula do petismo eram críticos ferozes da atuação de Cardozo como ministro. Na época, queriam que ele domasse a Polícia Federal, anestesiando a Lava Jato. A corrosão de Lula ajuda a entender essa inquietação. O petismo sabia o que fizera no verão passado.

O acordo para que Lula se rendesse foi esboçado na sexta-feira, depois que a Polícia Federal recebeu a informação de que o condenado não se apresentaria voluntariamente em Curitiba até as 17 horas, como Moro determinara. Agentes federais estavam acantonados secretamente nas proximidades do sindicato desde a noite de quinta-feira. Mas a PF decidira que só invadiria o bunker de Lula se não houvesse outra alternativa. Ainda assim, com ordem expressa de Moro.

Josias de Souza

2 respostas

  1. Esse vagabunda deveria ter sido algemado , pois roubou a felicidade de uma nação inteira por dezenas de anos, merece o rigor máximo da lei crua.

  2. A Pajelança que falam foi causada pelo próprio Moro. Se ele não queria prender Lula de imediato, que fizesse a organização dessa prisão da forma como deve ser. Ai o cara vai e dá um prazo para Lula se apresentar, lógico que Lula iria fazer um espetáculo, chamar atenção do mundo e se abrigar no berço onde tudo começo na sua vida politica. Foi tudo muito teatral e dirigido pelo Juiz Sérgio Moro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

junho 2021
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  
Categorias

Somente ele acredita

O Senador Styvenson Valentim acredita ser o melhor nome da oposição para enfrentar Fátima Bezerra em 2022. Somente ele acredita. Ô “lapa” de “caba” confiante.

Leia Mais

Sob censura

A censura é sempre errada, mas às vezes consegue ser também ridícula. A decisão do juiz que obrigou a Folha e o jornal “O Globo” a retirar da internet

Leia Mais

O boné de Caicó

A tradição da indústria têxtil fez Caicó ganhar o mercado nacional e ser reconhecida como a capital Nordestina do Boné e do Chapéu. O setor

Leia Mais