Ruralistas e evangélicos se unem para mostrar força em ato pró-Bolsonaro

Ruralistas e evangélicos marcaram duas manifestações em Brasília para este sábado (15), em apoio ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Em busca de maior adesão, os dois movimentos devem se unir em um só.

O primeiro ato, promovido pelo Movimento Brasil Verde e Amarelo e intitulado “O Agro e o Povo pela Democracia”, promete levar tratores e máquinas agrícolas para a frente do Congresso Nacional, mas o esquema de segurança deve impedir a entrada dos equipamentos na Esplanada dos Ministérios.

A concentração será no Parque Leão da Vaquejada e seguirá até a Biblioteca Nacional, onde os caminhões irão estacionar. O grupo vai marchar a pé pela Esplanada dos Ministérios. O presidente Bolsonaro é esperado para falar em um dos carros de som. “Dia 15 estarei na esplanada ao lado do Agro, locomotiva da nossa Economia”, escreveu o mandatário, junto com o vídeo do presidente da Associação Brasileira dos Produtores de Soja (Aprosoja).

Mais de 100 sindicatos rurais estão apoiando o ato na capital federal. Os integrantes fazem parte de associações, como a Aprosoja, a Nacional de Defesa dos Agricultores, Pecuaristas e Produtores da Terra (Andaterra) e a dos Cafeicultores do Brasil (Sincal). Procuradas pelo Metrópoles, as entidades afirmaram que não respondem institucionalmente pelo movimento.

Apesar de essas associações serem vinculadas a federações capitaneadas pela Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária (CNA), a própria confederação não confirma envolvimento institucional no ato.

Procurada, a Frente Parlamentar da Agropecuária, popularmente conhecida como bancada ruralista, também disse não se envolver em atos do tipo. O presidente da frente, deputado Sérgio Souza (MDB-PR), é aliado do mandatário do país.

Metrópoles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

junho 2021
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  
Categorias

Cerro Corá (RN) tem novo prefeito

O vice-prefeito de Cero Corá, Zeca Araújo, tomou posse ontem (27) como novo prefeito do município por causa da cassação da prefeita  Graça Oliveira. Garantir

Leia Mais

Eu também botaria abaixo

Leio no blog do radialista Robson Pires declaração do médico caicoense Zé Fernandes a respeito da inutilidade que é o Castelo de Engady. Disse que

Leia Mais