Programa de resgate aos estados falidos

Michel Temer precisa aprovar mais duas medidas para salvar o Brasil da bancarrota: a reforma previdenciária e o programa de resgate dos Estados falidos.

A reforma previdenciária encaminhada pelo governo ao Congresso Nacional é excelente, mas está sendo torpedeada pelos deputados governistas. Ninguém sabe qual será o resultado final.

Com o programa de resgate dos Estados falidos – que também é excelente – está ocorrendo a mesma coisa.

Rodrigo Maia disse à Folha de São Paulo:

“Nós temos um problema. A gente sabe que é difícil, não adianta a gente negar. Mas o nosso papel é dialogar e encontrar um caminho”.

A reportagem explicou:

“O principal entrave está nas contrapartidas que o governo quer exigir dos Estados para que eles tenham o pagamento de suas dívidas suspenso por até seis anos. Entre outros pontos, controle rigoroso de despesas, privatizações e elevação da contribuição previdenciária dos funcionários”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

março 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
Categorias

Pausa no Lula Livre

Na semana passada, os procuradores da Lava Jato pediram à juíza Carolina Lebbos que conceda prisão domiciliar a Lula. Os petistas, nas redes, se manifestaram contra

Leia Mais