Professores decidem suspender ano letivo da rede municipal de Natal

Professores e diretores da rede municipal de educação decidiram, em reunião  suspender o ano letivo. De acordo com a presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinte), professora Fátima Cardoso, essa decisão foi necessária, apesar de ser lamentável.

Falta de merenda, infraestrutura e desvalorização dos servidores foram algum dos motivos para tomar essa atitude.

De acordo com a professora, a promotora Zenilde Alves da Vara da Infância entrou com uma ação cívil para que fosse bloqueado dois milhões de reais da conta da Prefeitura para investir na área da educação. Os repasses serão divididos em duas parcelas.

Fátima afirma se os recursos para educação forem liberados, a suspensão das aulas do último bimestre chegará ao fim.

Ela afirma que a Prefeitura deixou de investir 100 milhões de reais para educação. “Queremos que o secretário de Educação afirme o que foi investido na área. O problema é grave e angustiante”, afirma a presidente do Sinte.

Além do sindicato, participaram da reunião o Conselho Municipal de Educação; o secretário municipal de Educação, Walter Fonseca; e promotora Zenilde Alves. “Nós queremos que esse caos na educação não seja transformado em tradição dos gestores municipais”, finaliza a Fátima Cardoso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

outubro 2021
DSTQQSS
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31 
Categorias

Rosalba em Brasília

A prefeita de Mossoró Rosalba Ciarlini está em Brasília (DF) onde participa da XX Marcha em Defesa dos Municípios. Dessa vez ela não transferiu o cargo para

Leia Mais