Prefeitura de Caicó não fechará portas, mas prefeito concederá coletiva para reforçar crise dos municípios

O prefeito Roberto Germano não entende ser necessário fechar as portas da prefeitura de Caicó por dois dias, como farão muitos prefeitos do Estado, dentro da mobilização chamada “SOS Municípios”, como forma de expor a crise financeira enfrentada pelas prefeituras, em virtude das constantes reduções do FPM.

Germano acredita que existem outras formas de mostrar a indignação com o tratamento dispensado pelo Governo Federal, sem necessariamente inviabilizar o funcionamento da rede municipal. Mas, já marcou uma entrevista coletiva com a imprensa as 8 horas desta terça-feira (05) em seu gabinete, onde na ocasião detalhará como a crise tem se refletido no município caicoense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

julho 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Categorias

PSDB se afasta de Robinson

Apesar da proximidade da bancada tucana na Assembleia com o governador Robinson Faria (PSD), o partido adotou uma postura de oposição no seu programa partidário,

Leia Mais

Lula embalsamado

A IstoÉ traz uma reportagem que mostra o abismo entre entre o discurso de Lula e a realidade. Nelson Biondi, publicitário especializado em marketing político, disse

Leia Mais

O Ceará tá bem ali

O Ceará pode ser o primeiro Estado do Brasil a registrar pico da epidemia do Coronavírus. Tá bem ali colado com o Rio Grande do

Leia Mais

Samsung anuncia o Galaxy Note 2

A Samsung anunciou nesta quarta-feira (29) a segunda geração de seu popular Galaxy Note, uma mistura de smartphone e tablet, durante a feira de eletrônicos

Leia Mais

e agora, prefeita?

Contam de Lucrecia (RN) que os salários de novembro e dezembro ainda estão atrasados. Tá cá peste! e agora, prefeita?

Leia Mais