Policia Federal deflagra operação Sukkar em Natal

pf

Após investigações iniciadas há um ano, a Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (8), na Grande Natal,  a Operação Sukkar, com objetivo de apurar delitos contra a ordem tributária, apropriação indébita previdenciária, evasão de divisas e lavagem de dinheiro. Segundo a PF, o nome Sukkar – açúcar em árabe – faz alusão ao ramo de atividade da empresa investigada – alimentos, em atividade no RN. Durante as primeiras horas da manhã foram expedidos quatro mandados de busca e apreensão em empresas e endereços residenciais.

Ainda segundo a PF, as investigações foram iniciadas há um ano, e vão de encontro a um pool de empresas, pertencentes a familiares dos investigados, para movimentar recursos não contabilizados pela indústria investigada, em prejuízo ao erário. A PF trabalha em cima de fortes indícios de que as exportações realizadas são subfaturadas e que parte do pagamento é feito em conta bancária mantida clandestinamente no exterior e sem o conhecimento das autoridades brasileiras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

julho 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Categorias

Prefeito 10%

Tem tanta licitação “escrota” nas prefeituras do Rio Grande do Norte que estão chamando os gestores de: “PREFEITO 10%.

Leia Mais

Governo cancela “radar’ no RN

O cancelamento da instalação dos equipamentos de fiscalização eletrônica nas rodovias federais do Brasil, anunciado pelo presidente Jair Bolsonaro no último dia 31, afeta o

Leia Mais

Temer recua mais uma vez

Michel Temer cedeu mais uma vez à chantagem dos caminhoneiros. Depois de preparar uma nova tabela para o frete, que reduzia seu valor em 20%,

Leia Mais

Bolsonaro x China

Jair Bolsonaro compartilhou no Twitter a notícia de que a China assumiu o controle de 20% do mercado de sementes de milho no Brasil, em

Leia Mais

MONTANHAS (RN) – Crime de peculato

A Segunda Promotoria de Justiça da Comarca de Nova Cruz (RN), mandou instaurar procedimento de Investigação Criminal, visando apurar possível crime de peculato (apropriação de

Leia Mais