Operação Higia: acusados terão 15 dias para a defesa. Inclusive, o filho da governadora Wilma de Faria

O juiz Mário Azevedo Jambo, da 2ª Vara da Justiça Federal do RN, determinou o prazo de 15 dias para que oito dos 14 acusados na Operação Higia apresentem “respostas preliminares”. A decisão do magistrado segue o artigo 514 do Código de Processo Penal que estabelece esse período para que réus que são funcionários públicos, como é o caso desses oito acusados.

Passado o prazo, o juiz analisará se recebe ou não a denúncia feita pelo Ministério Público Federal contra os 14 acusados de fraudar licitações da Secretaria Estadual de Saúde no fornecimento de locação de mão de obra para serviços de limpeza. Os denunciados são Francinildo R. de Castro, Genarte de M. Brito Júnior, João Henrique L. B. Neto, Lauro Maia, Marco Antônio F. de Oliveira, Maria Eleonora L. Castim, Rosa Maria C. Simonetti e Ulisses F. de Barros.

Fonte: DNonline

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

setembro 2021
DSTQQSS
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930 
Categorias