Obras da Escola 1º de Maio em Caraúbas avançam e devem ser concluídas em maio

Os moradores do Assentamento 1º de Maio, em Caraúbas, estão cada dia mais perto de ver a escola da comunidade pronta. A construção do prédio já avançou 75% e tem previsão de ser concluída em maio, com capacidade para receber 600 alunos de Ensino Médio.

Esta é uma das seis que estão sendo construídas pelo Governo do Estado para promover acesso à educação no campo e incluir socialmente crianças e jovens de comunidades indígenas, quilombolas e assentados. Lá, a expectativa da Secretaria de Educação é que seja uma instituição agrícola de nível técnico.

Na última sexta-feira (29), uma comitiva do Governo do Estado liderada pelo secretário de Gestão de Projetos, Fernando Mineiro, visitou as obras e conferiu de perto a magnitude da proposta. Serão oito salas de aula e seis laboratórios, além de biblioteca, setor administrativo completo, setor de convivência com refeitório/pátio coberto, jardins e quadra poliesportiva.

O prédio foi pensado dentro de critérios técnicos de sustentabilidade e irá adotar uma série de medidas de maior eficiência energética e aproveitamento de recursos naturais, com soluções como reuso das águas pluviais em vasos sanitários e mictórios, reuso do esgoto tratado em irrigação de jardins e áreas verdes e captação de energia solar por meio de painéis fotovoltaicos localizados na cobertura.

Ao chegar ao assentamento, Mineiro foi recebido por um grupo de moradores preocupados com a localização da estação de tratamento de esgoto da escola. O receio deles é que o poço da comunidade possa sofrer contaminação. “Iremos enviar pra cá uma equipe do Núcleo Ambiental, acompanhada dos engenheiros do projeto Governo Cidadão, para avaliar a situação e resolver este problema. A comunidade pode ficar despreocupada, que se for necessário deslocar o sumidouro, faremos isso. A água do poço de vocês jamais será contaminada pelo sistema de tratamento da escola, que é modelo de sustentabilidade e referência na questão ambiental”, garantiu o secretário.

A dona de casa Ana Maria da Conceição está feliz da vida com a chegada de uma instituição de ensino na comunidade. Com filhos e netos em idade escolar, ela diz que o prédio na porta de casa irá diminuir o volume de viagens para muitas crianças e adolescentes. “Muitos viajam até 18 km por dia até Caraúbas para estudar. Em dia de chuva o ônibus atola, às vezes chegam em casa onze da noite. Vai ser muito bom, inclusive pra minha filha que já é adulta, mas quer voltar a estudar”, comemora.

Estão sendo investidos R$ 4,6 milhões na Escola de 1º de Maio, por meio do projeto Governo Cidadão, Secretaria de Educação e recursos do Banco Mundial. O plano pedagógico prevê o funcionamento nos horários matutino e vespertino, com uma previsão total de 600 alunos – 300 pela manhã, 300 pela tarde.

Saiba mais

Por meio do acordo de empréstimo e em parceria com a Secretaria de Educação, o Estado está construindo seis escolas em diversos municípios para beneficiar três mil jovens. Os investimentos somam R$ 26,5 milhões em obras nas zonas rurais de Macaíba, Ceará-Mirim, João Câmara, Caraúbas e zona urbana de São Gonçalo do Amarante.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

setembro 2021
DSTQQSS
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930 
Categorias