O jetom mais revoltante dos ministros do TSE

No TSE, o jetom – remuneração paga aos membros de órgãos colegiados por sessão a que comparecem – é R$ 1.012,89.

Em 16 de novembro de 2017, uma sessão de apenas 1 minuto e 18 segundos, sob comando de Gilmar Mendes, rendeu esse valor a cada um dos ministros presentes, segundo a Folha.

A fase de julgamento em si durou 21 segundos.

“A sessão relâmpago se repetiria um mês depois, desta vez sob a presidência de Luiz Fux, também com pagamento de jetom. Mas com um período mais elástico: dois minutos e 45 segundos.”

2 respostas

  1. O fechamento desse órgão é necessário para arrumar a casa , esse tribunal desmoraliza toda a justiça dO país, INTERVENÇÃO MILITAR JÁ PARA ORGANIZAR E RESGATAR O PAÍS PARA OS VERDADEIROS BRASILEIROS

  2. Concordo plenamente; só a intervenção militar – nada de golpe – poderá arrumar essa casa abandonada cheia de ratos, baratas, cupins etc. etal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

fevereiro 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28  
Categorias

Moro trolla defesa de Lula

Após a defesa de Lula exigir que o juiz Sérgio Moro ouça 87 testemunhas, nos processos contra ele, o juiz Sérgio Moro disse que aceita,

Leia Mais

O verdadeiro perigo

O Globo noticia que, “com o cenário da prisão de Lula cada vez mais próximo, a Abin passou a monitorar as movimentações em torno da

Leia Mais