Penso, logo existo...

Vereador propõe uso da telemedicina em Natal para evitar superlotação de unidades de saúde

Começou a tramitar, nesta segunda-feira (18), na Câmara Municipal de Natal, um Projeto de Lei que autoriza o uso da telemedicina no sistema público de saúde da capital durante a pandemia. A proposta é do vereador Sueldo Medeiros (PROS). De acordo com o PL, será possível, enquanto durar a crise provocada pelo novo Coronavírus, o exercício da medicina mediado por tecnologias para fins de assistência, pesquisa, prevenção de doenças e lesões e promoção de saúde em Natal. “A telemedicina se apresenta como uma ferramenta aliada do isolamento social, uma vez que os pacientes acometidos por outras doenças não devem sair de casa para enfrentar um pronto-socorro abarrotado de pessoas possivelmente infectadas com a Covid-19”, explica Sueldo. O parlamentar conta que se baseou na Lei nº 13.989 para a elaboração da proposta no âmbito municipal. A legislação em questão autoriza o uso da telemedicina no Brasil. Em sua justificativa, a medida é apontada como forma de assegurar o atendimento à população, de reduzir o contágio do novo Coronavírus e de ameniza a sobrecarga nas unidades de saúde, que precisam neste momento, segundo Sueldo, focar no atendimento de pessoas infectadas com a Covid-19.

Robson Pires

Brasileiro Radialista e Jornalista!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *