30/out/2019

SINPOL-RN: pode esperar sentado


Por Robson Pires, em

Nesta quinta-feira, 31 de outubro, acaba o prazo estabelecido pelo Governo do Estado, em acordo assinado com o SINPOL-RN, para conclusão das negociações da reestruturação da carreira dos policiais civis. Ainda aguardando uma proposta oficial, a categoria decidiu novamente passar o dia reunida na sede do sindicato, em Natal, em assembleia permanente.

Por isso, ficou acordado que uma nova análise será feita para que uma proposta possa ser apresentada ao SINPOL-RN nesta quinta-feira. “A gente espera realmente que o Governo cumpra com a palavra e com o que está assinado no termo de compromisso”.

Espere sentado que se depender da governadora petista Fátima Bezerra


1 Comentário

  1. Tomaz disse:

    Procede este ABSURDO,esta covardia?

    A Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa aprovou projeto do Executivo que concede reajuste salarial de 16,38% aos procuradores do Estado e, na mesma apreciação, retirou a emenda que estendia o reajuste para todos os servidores públicos do Estado.

    Dos membros da comissão, apenas os deputados Alyson Bezerra (Solidariedade) e Coronel Azevedo (PSC) votaram a favor da emenda do deputado Nélter Queiroz (MDB) que beneficiava todos servidores com reajuste de 16,38%.

    Já os deputados Isolda Dantas (PT), Kleber Rodrigues (Avante), Raimundo Fernandes (PSDB) e Hermano Morais (sem partido) votaram contra os servidores e a favor do reajuste apenas para os procuradores do Estado.

    O projeto é apontado como “discriminatório” pelo Sindicato dos Trabalhadores da Administração Direta do RN (SINSP-RN) porque atende apenas aos procuradores que fazem parte da “elite” do serviço público, que já ganham acima de R$ 30 mil.

    Quanto aos demais servidores, que não recebem reajuste salarial há nove anos, os deputados decidiram atender a determinação da governadora Fátima Bezerra (PT), deixando as categorias de fora do benefício.

    O que chama a atenção foi a postura da deputada Isolda Dantas de votar contra os servidores, uma vez que a parlamentar faz carreira política com a bandeira de defesa do servidor público. Neste ano, a petista chegou a criticar a gestão da prefeita Rosalba Ciarlini (PP) em Mossoró, porque deu “apenas 3,75%” de reajuste para todos os servidores, e agora ela vota por zero de reajuste para o servidor estadual.

Deixe o seu comentário!

Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00
Sábado, 14 de Dezembro de 2019


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!





Calendário

dezembro 2019
D S T Q Q S S
« nov    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031