02/fev/2018

Raquel Dodge defende no STF prisão após condenação em segunda instância


Por Robson Pires, em

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, defendeu nesta quinta-feira (1º), na cerimônia de abertura dos trabalhos do Supremo Tribunal Federal (STF) em 2018, o cumprimento de condenações após o fim dos recursos na segunda instância da Justiça. Segundo Raquel, a atuação do Ministério Público neste ano será firme no combate à corrupção e pela garantia da efetividade das decisões judiciais, incluindo a reparação de danos aos cofres públicos.

“O Ministério Público tem agido, e pretende continuar a agir, com o propósito de buscar resolutividade, para que a justiça seja bem distribuída, para que haja o cumprimento da sentença criminal após o duplo grau de jurisdição, que evita impunidade”, disse a procuradora.


1 Comentário

  1. Sandrival disse:

    Raquel Dodge, defendeu o cumprimento de condenações após o fim dos recursos na segunda instância da Justiça, no sentido de combater à corrupção e garantir as decisões judiciais com reparação de danos aos cofres públicos.
    Com essa, o Lula vai para a cadeia, que não tem escapar. E se tentar fazer greve de fome, será quando estiver quase morto não vai se alimentar? Como é que um homem palestrante que fazia conferências de altíssimos valores, não tinha tanta intelectualidade assim para medir os cálculos de sua prisão na cadeia? Só num processo foi 12 anos e um mês, imagine PETISTAS, quando terminarem todos, aí vocês vão a loucura, loucura e loucura…

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Domingo, 21 de Outubro de 2018


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter



Calendário

outubro 2018
D S T Q Q S S
« set    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031