21/set/2019

Policiais e Bombeiros militares do RN aceitam 23% de reposição salarial


Por Robson Pires, em

Depois de três meses de negociação consecutiva, policiais e bombeiros militares, oficiais e praças, da ativa e da reserva remunerada aceitaram uma reposição salarial de 23%. A proposta do Governo do Estado foi aprovada em assembleia geral unificada da categoria.

A Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares do RN (ASSPMBMRN) informou que com esse resultado, os representantes das associações de militares estaduais acordarão as negociações com o Executivo potiguar. Entre os itens da contraproposta, está a redução do interstício da Lei de Promoção dos Praças; majoração de 23% do subsídio, com a finalidade de diminuir a discrepância em relação aos salários dos profissionais das demais forças da Segurança Pública do RN; e a prioridade no pagamento das folhas salariais em atraso; entre outras demandas.

A categoria fala em perda de 60,48% ao longo dos últimos cinco anos. Os representantes das associações militares estaduais e equipe do Governo do Estado se reuniram consecutivamente para negociações nos últimos três meses. Segundo a ASSPMBMRN, o compromisso firmado, após a mobilização do último dia 17 de junho, era que o Governo encaminhasse à Assembleia Legislativa um projeto de lei com a proposta de majoração do subsídio até setembro de 2019.

Outros itens da proposta do Governo incluem ex officio para os oficiais (oito anos como tempo máximo de permanência nos postos. De 2° tenente até major), realização de concurso para oficiais combatentes e quadro de saúde, acompanhamento de eventuais majorações salariais no conjunto da Segurança Pública estadual, prioridade aos militares estaduais no pagamento dos atrasados, e acompanhamento do sistema de proteção social das Forças Armadas.

A ASSPMBMRN detalhou que sobre a redução do interstício, ficou estabelecido de quatro ou oito anos de soldados para cabos, de três ou quatro anos de cabo para 3° sargento, e de dois ou três anos de 1° sargento para subtenente; além de realização de curso de formação de sargentos no início de novembro deste ano, para os cabos que ainda não o fizeram, com a duração de dois meses a fim de contemplar a data de promoção.


Nenhum Comentário Até o Momento, Seja o Primeiro a Comentar!

Deixe o seu comentário!

Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00
Quinta, 21 de Novembro de 2019


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!





Calendário

novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930