Penso, logo existo...

Polícia investiga tiros disparados de carro de promotor em travesti na PB

sireneA Polícia Civil abriu um inquérito para investigar o caso de uma travesti, de 17 anos, que foi baleada no sábado (10), na praia do Cabo Branco, em João Pessoa. Segundo informações registradas no Boletim de Ocorrência (BO), a adolescente foi baleada duas vezes durante uma confusão quando, conforme a própria vítima relatou à polícia, foi cobrar o pagamento de um programa. Ainda de acordo com a polícia, a travesti ficou ferida após ser atingida por dois tiros disparados de dentro de um carro que pertence ao promotor de justiça Aluísio Cavalcanti Bezerra. No entanto, o promotor afirma que o carro envolvido na ocorrência pertence a ele, mas quem usava no momento da confusão era um motorista.

Robson Pires

Brasileiro Radialista e Jornalista!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *