21/jun/2013

PMDB aproveita situação e chantageia: quer R$ 23 bi


Por Robson Pires, em

20130621053015_cv_BASEALIADAcharge_dilma_base_aliada_gdePreocupada com a dissidência crescente em sua bancada na Câmara, a cúpula do PMDB vai reunir sua Executiva Nacional, na próxima terça (25), para discutir eleições estaduais e a reedição da aliança com o PT em 2014. Será uma conversa difícil. O PMDB cobra o compromisso da presidenta Dilma de liberar R$ 23 bilhões até dezembro: R$ 15 bilhões previstos em emendas para este ano e R$ 8 bilhões de “restos a pagar”.

O Planalto prometeu liberar R$ 1 bilhão em emendas por mês, mas políticos aliados não aceitam. Querem no mínimo o dobro.

O PMDB acredita que, com a enxurrada de protestos no País e a queda na popularidade, a presidenta Dilma precisará negociar com a base. A bancada do PMDB, que capitaneou rebelião na MP dos Portos, quer que o partido também leve ao Planalto as demandas de aliados.


Nenhum Comentário Até o Momento, Seja o Primeiro a Comentar!

Deixe o seu comentário!

Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00
Segunda, 25 de Maio de 2020


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!





Calendário

maio 2020
D S T Q Q S S
« abr    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31