03/dez/2010

Henrique Eduardo está num fogo cruzado


Por Robson Pires, em

No Correio Braziliense desta sexta-feira, uma reportagem assinada por Tiago Pariz mostra que o PMDB está em guerra contra o próprio PMDB no Senado e na Câmara e a principal batalha é para diminuir os poderes do atual presidente, Michel Temer, eleito para ser o vice de Dilma Rousseff.

Na Câmara, diz o repórter, o primeiro passo foi dado ontem – quando 54 parlamentares assinaram uma moção delegando ao líder do partido, o potiguar Henrique Eduardo Alves (na foto), a tarefa de negociar espaços no governo Dilma. Até então, como todos sabem, tal responsabilidade era exclusiva de Temer. “Num gesto diplomático, Alves disse que a tarefa cabe a Temer”, lembrou o repórter.

No Senado, o jornalista do Correio garante que o presidente nacional do PMDB “passa por uma tentativa de enfraquecimento dentro da própria legenda”.

“Senadores peemedebistas angariam apoio à proposta de retirá-lo da linha de frente da negociação com a presidente eleita, Dilma Rousseff, sobre cargos no futuro governo” – escreve Pariz.


Nenhum Comentário Até o Momento, Seja o Primeiro a Comentar!

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Quarta, 23 de Janeiro de 2019


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!





Calendário

janeiro 2019
D S T Q Q S S
« dez    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031