08/mar/2020

Falhas primárias na InterTV Cabugi deixam apresentador constrangido


Por Robson Pires, em

Após uma recente edição do Globo Esporte RN, praticamente, não ter ido ao ar, as graves falhas técnicas na InterTV Cabugi continuam para desespero dos apresentadores. Desta vez, durante o RN1 – tratado internamente como o jornal mais importante da emissora, apesar da sua baixíssima audiência e relevância pública -, o apresentador Murilo Meireles ficou em ‘saia justa’.

Na ocasião, Meireles chamou uma reportagem (VT), mas não entrou. Tentou outra, que também ‘deu pau’. Visivelmente constrangido, ele anunciou, desta vez, reportagem ao vivo (link) de Anna Alyne Cunha, último recurso na ‘manga do paletó’ para tentar salvar o programa.

Infelizmente, as falhas devem persistir, já que a InterTV Cabugi vem demitindo, desde outubro passado, profissionais antigos e os substituindo por jovens com pouca experiência na área técnica. Aliás, a ‘molecada’ predomina na afiliada da Globo em Natal, deixando a emissora com perfil de extensão universitária, mas sem o ‘padrão de qualidade’ da TVU.,

DESCALABRO

Com linguagem coloquial, sensacionalismo fajuto e ausência total de criatividade e credibilidade nas informações, o jornalismo popularesco proposto pela competente direção de jornalismo da InterTV Cabugi não caiu na graça do público, que prefere a originalidade da principal concorrente (TV Ponta Negra).

A estratégia de deixar o telejornal sangrento e recheado de notícias de buraco nas estradas, esgoto a céu aberto, homenagem ao Dia do Amigo, semáforo apagado e gatinho em cima de árvore, definitivamente, fracassou.

No frenético vai e vem de repórteres e editores sobra insegurança e falta gestão administrativa eficiente. Seguramente, o estratagema mais significativo estaria no encontro de uma cabeça para o corpo. Enquanto isso não acontece, há iminente risco da Rede Globo aplicar alguma punição, devido à falta de boa qualidade e, claro, do ‘padrão global’ tão exigido às afiliadas.

Mesmo estando em ano eleitoreiro, com acontecimentos diários e importantes na política (ignorada pela InterTV Cabugi, após a derrota do ex-governador Robinson Faria, nas eleições 2018), a emissora aposta ‘todas as fichas’ em assuntos surreais. O telespectador não suporta mais tanto amadorismo. A constatação disso está nas sucessivas pesquisas de Ibope, que deixa a afiliada global em péssima colocação na audiência.

Blog do Flávio Marinho


2 Comentários

  1. Anônimo disse:

    Esse é o resultado dos cursos técnicos e superiores feitos nas coxas nos últimos anos no Brasil.
    A CONTA CHEGA…
    É em tudo que é área.

  2. Paulo disse:

    Está um lixo os programas da antiga cabugi, reportes fraquíssimo, chamando pelo nome diminutivo dos colegas filminho, fulaninha, enchendo linguiça, apresentadores sob tenção, enfim um caos. Cadê a rede globo que não vê esse desastre?.

Deixe o seu comentário!

Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00
Sábado, 04 de Abril de 2020


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!





Calendário

abril 2020
D S T Q Q S S
« mar    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930