Penso, logo existo...

Dilma ‘afastada’ por 60 votos. Agripino fala em 59. Confira

A presidente-ré Dilma Rousseff e seus comparsas devem ser afastados definitivamente do poder, no final deste mês. O ministro-chefe da Casa Civil do governo Michel Temer, Eliseu Padilha, por exemplo, afirmou à Rádio Estadão nesta segunda-feira que a expectativa de sua equipe é de que a votação final do processo de da presidente ré, Dilma Rousseff (PT), no Senado, “deve ter entre 60 e 63 votos favoráveis. “Deveremos ter entre 60 e 63 votos a favor do impeachment”, disse o ministro, emendando: “Sendo conservador, deveremos ter 61 votos.” “Governo enquanto interino deixa interrogações, é natural”, afirmou. “Com governo definitivo, teremos de conter a expansão da dívida pública e reformar o nosso sistema previdenciário”, disse. O líder do Democratas no Senado, Agripino Maia (RN), disse nesta segunda-feira que a expectativa dele é que o afastamento definitivo de Dilma terá 59 votos, o mesmo número que aprovou o a pronúncia no último dia 11 de agosto. placar de dilma

Robson Pires

Brasileiro Radialista e Jornalista!

Comentar

  • Na última votação seria necessários 41 votos, na votação final são necessários 54 votos, no placar da materia, o único senador a não votar foi Renam Calheiros de Alagoas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *