Penso, logo existo...

Consórcio NE: MPF analisa se prefeitura do PT recebeu respiradores como propina

O Ministério Público Federal (MPF) avança nas investigações de possível esquema de corrupção na compra de respiradores pelo Consórcio Nordeste. De acordo com o MPF, a prefeitura de Araraquara, em São Paulo, governada pelo petista Edinho Silva, teria se beneficiado com 30 respiradores exigidos como “propina” pelo fechamento do negociação. Gabas teria participação na negociata. O secretário do consórcio, ex-ministro do PT Carlos Gabas, teria envolvimento. Segundo apuração do MPF, “o Consórcio Nordeste firmou contrato com a empresa Hempcare Pharma Representações LTDA para o fornecimento de 300 respiradores, mas, para viabilizar a negociação, teria exigido a doação de 30 respiradores ao município de Araraquara”. VEJA

Robson Pires

Brasileiro Radialista e Jornalista!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *