04/maio/2020

Comorbidades e Covid-19


Por Robson Pires, em

Quase todos os pacientes hospitalizados, em Nova Iorque, com Covid-19, tinham problemas crônicos de saúde.

Apenas 6% dos pacientes do sistema de saúde da região de Nova Iorque não apresentavam condições crônicas.

Hipertensão, obesidade e diabetes foram as mais  comuns.

Um novo estudo de milhares de pacientes com coronavírus hospitalizados no epicentro do surto nos Estados Unidos, descobriu que quase todos eles tinham pelo menos uma condição crônica importante de agravo à saúde e a maioria, 88%, tinha  pelo menos duas.

Embora pesquisas anteriores tenham mostrado condições crônicas como obesidade, pressão alta e diabetes são fatores de risco comuns para Covid-19 grave, a onipresença de condições médicas graves nesses pacientes foi impressionante: apenas 6% deles não tinham outras doenças subjacentes.

“O número de pacientes que tiveram comorbidades crônicas nos surpreendeu”, disse Karina Davidson, vice-presidente sênior do Instituto de Pesquisa Médica Feinstein, que foi a autora do trabalho.

O artigo, publicado no Journal of American Medical Association, analisou dados de 5.700 pacientes Covid-19 admitidos entre 1 de março e 4 de abril em uma dúzia de hospitais.

The New York Times


Nenhum Comentário Até o Momento, Seja o Primeiro a Comentar!

Deixe o seu comentário!

Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00
Sábado, 30 de Maio de 2020


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!





Calendário

maio 2020
D S T Q Q S S
« abr    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31