31/maio/2011

Assessor de Wilma de Faria na mira do Ministério Público


Por Robson Pires, em

Os gastos da conta do telefone funcional usado por Nironaldo Câmara de Souza, que atuou como assessor da governadora Wilma de Faria, chamaram atenção do Ministério Público Estadual e culminou com a investigação sobre os altos valores.

Os promotores identificaram telefonemas feitos para assuntos particulares e pagas pelo Governo. No próprio depoimento ao MP, Nironaldo chegou a afirmar que “a época em que utilizou o telefone funcional para fins estranhos ao desempenho do cargo não possuía telefone particular”.

O Ministério Público recomendou ao Gabinete Civil da governadora Rosalba Ciarlini a abertura de um procedimento administrativo para apurar todas as ligações feitas pelo então assessor. Os promotores determinaram ainda que o Gabinete Civil defina o valor a ser ressarcido por Nironaldo Câmara.

O prazo para conclusão da auditoria é de 30 dias.

Por Anna Ruth


1 Comentário

  1. j santos disse:

    Coitadinho vâo investigar só o telefone?

Deixe o seu comentário!


Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00

Sexta, 19 de Outubro de 2018


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!



No Twitter



Calendário

outubro 2018
D S T Q Q S S
« set    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031