No RN, óbitos por dengue têm redução de 53% entre 2011 e 2012

dengue(1)Até outubro do ano passado, mais de 12 mil casos de dengue foram registrados na capital. Os dados são da Secretaria Estadual de Saúde (Sesap). Segundo a diretora do Departamento de Vigilância e Saúde de Natal, Sidneide Ferreira, os números atualizados devem ficar prontos até o fim dessa semana, quando os técnicos da SMS finalizarão o LIRAa (Levantamento Rápido de Infestação por Aedes aegypti).

O material dirá quantas pessoas foram infectadas na capital, o número de focos e as áreas que registraram maior incidência. “As condições de infraestrutura que encontramos não são as ideais, mas estamos buscando obter esses dados o mais rápido possível, até para evitar futuras epidemias”, explicou Sidneide.

Ontem, ao liberar recursos para o combate à dengue, o ministro da Saúde, Alexandre Padilha disse que “a prevenção precisa ser mantida, mesmo nas cidades onde há redução nos casos graves de dengue”. No ano passado, mais de. 26 mil casos foram registrados no Rio Grande do Norte. Um número bem superior aos 17 mil de 2011. No Estado, a redução de óbitos foi de 53%, ou seja, foram 17 mortes por dengue em 2011 e oito óbitos no ano passado.

O técnico do Programa Estadual de Combate à Dengue, Vitor Hugo Diógenes, explica que o aumento é consequência da reintrodução do sorotipo 4  no Estado, vírus que não circulava há mais de 30 anos. “Devemos estar preparados para 2013, pois ainda sentiremos os efeitos dessa reintrodução”, disse. O trabalho do programa consiste na fiscalização e orientação de municípios que vivenciam epidemias. Segundo Vitor Hugo, Rafael Fernandes é a única cidade potiguar nessa situação, e já está recebendo a visita do carro fumacê.

Da Tribuna do Norte

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Recentes

setembro 2022
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Categorias

PMDB enxuga e devora

Com o fim da Secretaria de Relações Institucionais, o PMDB começou a enxugar os ministérios. Em benefício próprio. Enquando isso, Dilma tem na manga uma

Leia Mais