No Dia Mundial de Combate ao Câncer, Zenaide critica liberação recorde de agrotóxicos e filas para exames e tratamento da doença

zenaide amarelo No Dia Mundial de Combate ao Câncer, Zenaide critica liberação recorde de agrotóxicos e filas para exames e tratamento da doença

A senadora Zenaide Maia (Pros-RN) registrou em suas redes sociais a passagem do Dia Mundial de Combate ao Câncer, nesta quinta-feira (04/02), com uma crítica à liberação recorde de agrotóxicos pelo atual governo federal. “Hoje é o Dia Mundial de Combate ao Câncer e, aqui no Brasil, temos uma preocupação a mais do que os países que priorizam a vida: em dois anos, a ministra da agricultura conseguiu liberar, junto à Anvisa, mais de 900 novos agrotóxicos, substâncias reconhecidamente causadoras de câncer e outras doenças!”, lembrou a senadora, que é médica. Zenaide disse, ainda, que o número de agrotóxicos deve aumentar, se depender de alguns parlamentares próximos ao governo: “Para piorar, mal começou o ano, a bancada ruralista já se articula com o ministério da agricultura para aprovar ainda mais agrotóxicos!”, declarou.

A senadora também denunciou o descumprimento da Lei 13.896/19, que dá prazo de até trinta dias para exames de detecção do câncer no SUS; e da Lei 12.732/2012, que obriga o início do tratamento em até sessenta dias: “Apesar das leis que obrigam exames para detectar e tratar o câncer em 30 e 60 dias, continuamos vendo brasileiros e brasileiras em filas para exames e tratamentos por mais de seis meses!”, finalizou Zenaide.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

março 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
Categorias