Líderes do governo afirmam que Orçamento não deve ser votado amanhã

Os líderes do governo na Câmara e no Senado se reúnem hoje às 19 horas com o advogado-geral da União, Luís Adams, e com a ministra de Relações Institucionais, Ideli Salvatti, para debater as consequências da possível votação do Orçamento de 2013 ainda nesta semana. O governo quer saber se a aprovação da proposta orçamentária antes de uma decisão final do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a análise dos 3.210 vetos presidenciais pendentes pode gerar insegurança jurídica.

O líder do governo na Câmara, Arlindo Chinaglia (PT-SP), já anunciou que a votação do Orçamento não deverá ocorrer na sessão do Congresso convocada para esta terça-feira (19). O governo teme que a votação provoque uma “corrida ao Poder Judiciário”, e que a futura execução orçamentária seja questionada legalmente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

março 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
Categorias

Robinson Faria acertou

O governador do Rio Grande do Norte Robinson Faria acertou em não ter participado do movimento. A visita de governadores do Nordeste a Lula insulta

Leia Mais