Justiça pode cassar mandato de Ney Lopes Júnior

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RN) deverá julgar em breve a situação do mandato de vereador de Natal, Ney Lopes Júnior, eleito pelo PSD em 2016 e atualmente sem partido. O vereador se desfiliou sem autorização do partido e enfrentará disputa judicial para se manter no direito de ocupar a vaga na Câmara, já que pode ser entendido que o mandato pertença ao partido e não ao eleito e seja convocado o suplente para ocupar a vaga.

Segundo informações apuradas pelo Justiça Potiguar, Ney Júnior enviou carta ao presidente do PSD-RN, Robinson Faria, em 29 de julho deste ano. Sem autorização para deixar a sigla, 12 dias depois acionou a Justiça Eleitoral para alegar justa causa para permanecer no mandato mesmo fora do partido. O caso deverá ser analisado no Pleno do TRE-RN que irá definir a quem pertence o mandato.

WhatsApp Image 2019 09 11 at 22.27.55 Justiça pode cassar mandato de Ney Lopes Júnior

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

abril 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Categorias