Investigação dos precatórios chega em Micarla de Sousa

micarlaverde Investigação dos precatórios chega em Micarla de SousaO Nominuto.com destaca hoje que investigação do Tribunal de Contas do Estado detectou indícios de irregularidade em acordo para quitação de dívida de precatório firmado entre a Prefeitura do Natal e a Henasa Empreendimentos Turístico, informa reportagem de Isaac Lira, Júlio Pinheiro e Ricardo Araújo, publicada na edição desta quinta-feira (5) do jornal Tribuna do Norte.

Conforme a publicação, “um precatório que deveria custar aos cofres públicos de Natal, no máximo, R$ 72 milhões teria sido calculado de forma equivocada para que o valor total passasse para R$ 191,22 milhões”. Posterior negociação fechou acordo de pagamento pela metade do estabelecido inicialmente, fechando em R$ 95,6 milhões.

A reportagem do Nominuto.com teve acesso à integra do acordo do quatro páginas de que trata a matéria da TN. O documento, datado 16 de novembro de 2009, leva as assinaturas do então presidente da Corte, desembargador Rafael Godeiro; da então chefe da Divisão do Setor de Precatórios, Carla Ubarana; da prefeita Micarla de Sousa (PV); do procurador-geral do Município, Bruno Macedo; do juiz conciliador Cícero Martins de Macedo, dos advogados Fernando Caldas Filho e Fábio Holanda e de alguém, cuja assinatura é ilegível, que respondeu em nome da Henasa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

abril 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Categorias

TSE suspende convênio com Serasa

Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu suspender temporariamente o convênio firmado com o Serasa Experian para repasse de dados cadastrais de eleitores à empresa de proteção

Leia Mais