Governo do Amazonas demite 2 após denúncias de ‘fura-fila’

covid amazonas site Governo do Amazonas demite 2 após denúncias de 'fura-fila'

Um assessor técnico lotado na Casa Civil do Estado do Amazonas, imunizado com a primeira dose da vacina Coronavac, foi exonerado do cargo nesta segunda-feira (25). Segundo o governo, ele recebeu a vacina de “forma indevida”, por não pertencer ao grupo prioritário. A diretora do Hospital e Pronto-Socorro da Criança, que teria incluído o nome do servidor na lista, também foi exonerada.

A lista de vacinados, divulgada pela Prefeitura de Manaus após ordem judicial, mostra que o então servidor da Casa Civil – Gerberson Oliveira Lima – foi vacinado no dia 20 de janeiro na Clínica da Família Severiano Nunes. No grupo prioritário, ele foi classificado como “trabalhadores de saúde”.

No Portal da Transparência do Estado, no entanto, consta que ele ocupava cargo de assessor técnico comissionado.

Diretora de hospital exonerada

Segundo a Secretaria da Saúde (SES-AM), a diretora do Hospital e Pronto-Socorro da Criança da Zona Leste, Michele Adriane Pimentel Afonso, foi quem incluiu o nome do servidor da Casa Civil na lista de trabalhadores de saúde, que deveriam ser vacinados pela Semsa. Michele é funcionária concursada e deve responder a um Processo Administrativo Disciplinar.

G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

maio 2021
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  
Categorias