Funcionalismo público municipal fará paralização em Caicó

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Caicó (SINDSERV) promoveu assembleia para os associados, na manhã de hoje (20), para discutir o decreto 394/2014, que suspende o pagamento de horas extras, adicional de insalubridade e periculosidade, de todos os servidores municipais.  Segundo o prefeito Roberto Germano, a medida foi tomada após determinação em termo de Alerta de Responsabilidade da Gestão Fiscal do Tribunal de Contas do Estado (TCE).

A presidente de SINDSERV, Joseana Soares, lembrou durante a reunião que será realizada uma parada geral, na próxima terça-feira (25), para chamar a “atenção para uma série de questões que vem acontecendo. O decreto é apenas a ponta do iceberg”, disse ela. A mobilização terá início às 8h, na Praça do Rosário. “Também demos entrada com ação para cancelar os efeitos do decreto”, concluiu a presidente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

maio 2021
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  
Categorias

Sai fora, Silveirinha!

Como o blogue do “Xerife” já antecipou o ex-prefeito de Mossoró Silveirinha quer arrumar uma boquinha e se eleger presidente da Federação das Câmaras Municipais

Leia Mais

SPEs entram no foco da operação lava-Jato

As chamadas Sociedades de Propósito Específico (SPEs), formadas por agentes privados e capital de empresas públicas — para administrar empreendimentos como hidrelétricas, termelétricas e transmissoras

Leia Mais