Fique experto: Sua banda larga é 8 vezes mais lenta do que você pensa

size_810_16_9_técnico_da_NetAs operadoras de internet, especialmente as que oferecem serviços de banda larga no Brasil, divulgam planos com velocidades medidas em “mega”. A questão é que esse “mega” não é exatamente o que parece. Ao ouvir essa palavra, o consumidor pode pensar que, por exemplo, fará downloads com uma velocidade de 10 megabytes por segundo. Mas não é bem isso que acontece.

A unidade de medida de transmissão de dados é o megabit. Atente-se especialmente ao B maiúsculo na sigla MB e ao minúsculo na abreviação Mbps. O termo “mega” é apenas um prefixo que significa “um milhão” e não quer dizer nada sozinho. Da mesma forma que Kilo (Kilograma, Kilômetro, Kilobyte, KiloHertz)

Vamos manter o foco nos bits e bytes. Um byte é composto por oito bits. Ou seja, por conta disso, a internet da sua casa é oito vezes mais lenta do que você imagina se você estiver pensando em megabytes, unidade de grandeza mais comum na web. O linguajar técnico usado pelos provedores de internet está correto, porém, ele pode causar essa confusão de conceitos. Vale notar que, na grande maioria das vezes, a sigla Mbps está presente nas peças publicitárias.

Por exemplo, com uma internet de 10 Mbps, você poderá fazer downloads a, no máximo, 1,25 MB a cada segundo. Já em uma rede de fibra óptica de 50 Mbps, os arquivos poderão vir da web a, aproximadamente, 6,125 MB por segundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Recentes

fevereiro 2023
DSTQQSS
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728 
Categorias