Fátima crítica atitude do deputado Bolsonaro na tribuna da Câmara

fatima bolsonaro

A deputada federal e senadora eleita pelo Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), criticou, nesta quinta-feira (11), a postura do deputado Jair Bolsonaro, que na última terça-feira (09), afirmou que não estupra a deputada Maria do Rosário porque “ela não merece”. De acordo com a Fátima, o ato do deputado Bolsonaro foi um total desrespeito com a mulher, com uma mãe, com uma parlamentar, com a democracia e com os militantes dos direitos humanos. “Ele extrapolou todas as prerrogativas de um parlamentar. A deputada Maria do Rosário é uma mulher que sempre lutou pelos direitos humanos. Durante sua gestão na SDH, a deputada Maria do Rosário teve uma atuação de destaque na afirmação de direitos para todas as pessoas, no enfrentamento de preconceitos e violências e também na mediação de conflitos”, disse.

Para Fátima, o deputado Bolsonaro fez uma verdadeira apologia ao estupro. “Estimular a violência e o estupro é demais, ultrapassa qualquer limite. Ainda mais vindo de um parlamentar que se diz representante do povo. Fiquei muito feliz em ver que meu partido juntamente com o PC do B, PSB e PSOL ingressaram, ontem, com uma representação no Conselho de Ética da Câmara dos Deputados na qual pedem a cassação do mandato do deputado Jair Bolsonaro”, declarou. “A Câmara tem o dever de punir este cidadão. Ele não pode subir aqui nesta tribuna e ter atitudes como essas. Precisamos abrir um processo de quebra de decoro parlamentar contra este deputado”, concluiu.

Uma resposta

  1. A nobre Deputada deveria também criticar os desmandos (roubalheiras e afins) que seu nobre partido estar cometendo em nosso país. Um verdadeiro estupro a integridade de toda uma nação. “Hipocrisia”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

junho 2021
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  
Categorias

Pela segunda vez em menos de dois meses, o líder do governo do presidente Michel Temer no Congresso, deputado André Moura (PSC-SE), foi condenado pela

Leia Mais