Falta de voto obriga governo a adiar reforma

A discussão e votação da reforma da Previdência Social na Câmara dos Deputados ficaram para 2018, antes do Carnaval. O presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), anunciou que o debate em plenário será no dia 5 e a votação em 29 de fevereiro, quando o Congresso retorna do recesso parlamentar. Ele acredita que até lá o governo conseguirá de 320 a 330 votos dos parlamentares.

“Vamos ter os 308 votos. Eu disse que, quando marcasse uma data, é porque teríamos os votos”, afirmou Maia. “Seria frustrante ver derrotada uma matéria que vai impactar de forma positiva milhões de brasileiros”, justifica. E repetiu o argumento governista de que é necessário acabar com a distorção entre os sistemas público e privado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

abril 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Categorias