Ex-prefeito de Tangará é condenado a 4 anos de reclusão no semiaberto

Uma denúncia do Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF/RN) contra o ex-prefeito de Tangará, Giovannu César Pinheiro e Alves, o Gija,  resultou na condenação do político a quatro anos e dois meses de reclusão, a serem cumpridos em regime inicialmente semiaberto. Ele foi considerado culpado por desvio de verbas na reforma da sede de um assentamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

janeiro 2021
D S T Q Q S S
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  
Categorias

2020: #elasim X #elenão

Na campanha para a escolha dos novos dirigentes municipais em 2020 já está desenhando. Se a disputa em determinado município for entre uma mulher e

Leia Mais

FECAM parabeniza Rogério Marinho

A Federação das Câmaras do Rio Grande do Norte –FECAM/RN– parabeniza Rogério Marinho, pela nomeação para o Ministério do Desenvolvimento Regional do Brasil. Rogério Marinho

Leia Mais