Esporte anula acordos com ONGs ligadas ao PCdoB

Segundo reportagem da Folha de São Paulo, o Ministério do Esporte cancelou ontem sete convênios do programa Segundo Tempo, alvo de acusações de irregularidades que acabaram levando à queda do ministro Orlando Silva. Os contratos suspensos somam R$ 9,4 milhões e alguns deles envolvem instituições ligadas ao PC do B citadas em escândalos nos últimos dias.

Entre as entidades que tiveram a prestação de serviços cancelada está a Associação Ação Solidária e Inclusão Social, de Brasília. A organização recebeu R$ 372 mil para atender 1.182 crianças.

A entidade funciona nos fundos de um lote localizado em uma cidade próxima a Brasília. Ela é comandada pelo casal Ronaldo Firmino da Silva e Gláucia Nunes. Os dois são ligados ao vice-presidente do PCdoB no DF, Apolinário Rebelo, irmão do novo ministro do Esporte, Aldo Rebelo (PCdoB-SP).

Durante sua campanha para deputado distrital em 2010, Apolinário, que não foi eleito, realizou um compromisso de campanha na casa de Silva e de Nunes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Recentes

setembro 2022
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Categorias