Escola proíbe saia e short após alunas irem à escola como ‘periguete’

Alunas de uma escola estadual no município de Sorriso, na região Norte do estado, a 420 km de Cuiabá, foram impedidas de entrar na sala de aula nesta terça-feira (19) porque usavam saias, shorts e sapato alto. Elas tiveram que voltar para casa e, somente depois de trocar de roupa, conseguiram a liberação para assistirem às aulas. “Eram mini-saias, mini-shorts, como se estivessem indo para a balada. O tipo de vestimenta é totalmente impróprio e tem gerado muitos problemas nas classes”, declarou a diretora da Escola Estadual Ignácio Schevinski, Shirlei Aparecida Melo Faria, em entrevista ao G1.

Como novo regimento interno da unidade neste ano, ela proibiu às alunas o uso de saias e shorts na escola por conta dos “abusos” nas vestimentas das roupas curtas que, segundo a diretora, foi a melhor alternativa encontrada para evitar que as próprias estudantes deixem de ser classificadas como “periguetes”. Dessa forma, os estudantes podem apenas usar calças.

A diretora explica que a decisão foi tomada em conjunto com o Conselho Deliberativo, em que participam os pais dos estudantes e a comunidade, após verificar que muitas reclamações também partiam dos próprios pais dos alunos. Shirlei Aparecida declarou também que no último ano foi liberado o uso das saias mais compridas e bermudas, o que, conforme ela, não foi obedecido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

fevereiro 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28  
Categorias

Lula chorou

Na missa de sétimo dia de Marisa Letícia, Lula chorou e… discursou de novo.

Leia Mais