ENEM: Comissão de avaliação sugeriu ‘não utilizar’ 66 questões do banco de itens

Enem Digital 2020 Como vai funcionar e como se inscrever 1280x720 1 ENEM: Comissão de avaliação sugeriu ‘não utilizar’ 66 questões do banco de itens

A comissão criada em 2019 no governo Jair Bolsonaro para avaliar o conteúdo das questões do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) sugeriu “não utilizar” 66 questões do Banco Nacional de Itens (BNI). Entre elas, 18 eram itens pré-testados e 48 eram itens novos.

De acordo com os avaliadores, essas perguntas apresentavam “leitura direcionada da história”, “leitura direcionada do contexto geopolítico”, e “polêmica desnecessária”. Em um dos itens, foi sugerido alterar o termo “ditadura” por “regime militar”.

O teor do parecer da comissão consta em uma resposta do Ministério da Educação (MEC) enviada à Câmara dos Deputados a partir de uma requisição feita por oito parlamentares. Ele foi obtido pelo jornal “O Globo”. O parecer não apresenta o conteúdo das questões, apenas os resultados das análises. A requisição foi feita pelos deputados Felipe Rigoni (PSB/ES), Israel Batista (PV/DF), Eduardo Bismarck (PDT/CE), Luisa Canziani (PTB/PR), Aliel Machado (PSB/PR), Tabata Amaral (PDT/SP), João H. Campos (PSB/PE) e Tiago Mitraud (NOVO/MG).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

fevereiro 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28  
Categorias

Rogério Marinho nos holofotes geral

O Potiguar e ex-deputado federal Rogério Marinho, secretário especial da Previdência, participará amanhã, em Brasília, de um almoço com representantes da Frente Parlamentar Agropecuária, presidida

Leia Mais

A hora exata

O desembargador João Pedro Gebran Neto encaminhou seu voto sobre a propina de Lula na sexta-feira à tarde. O G1 deu a hora exata: “O

Leia Mais