Em Natal (RN), 95% das empresas do setor de eventos pararam por um ano e meio

As perdas para o setor de eventos durante a suspensão das atividades em 2020 são irrecuperáveis, conforme avaliam os empresários e gestores da área ouvidos pela Tribuna do Norte. A empresária do ramo de eventos corporativos e conselheira do Natal (RN) Convention Bureau, Sylvia Serejo, comenta que 95% das empresas do setor em Natal (RN) ficaram paradas por cerca de um ano e meio, o que acarretou inúmeros prejuízos, seja no aspecto financeiro ou de mão de obra especializada.

Jomardo Moraes, do MADA, revela que em 2019, última edição do Festival, foram gerados R$ 10 milhões em receitas para o Município, segundo cálculo da própria organização do evento. Marcelo Passos, da Anorc/RN também admite ter sofrido perdas no ano passado, com a transferência da Festa do Boi para o formato virtual. Já a suspensão de eventos como o Natal em Natal em 2020 e o Carnaval em 2021, deixaram de injetar cerca de R$ 150 milhões na Economia da capital, segundo estimativas da Funcarte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

setembro 2021
DSTQQSS
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930 
Categorias

Não larga o osso

Ô … mulherzinha teimosa essa deputada federal Cristiane Brasil. Ninguém quer essa mulher lá no ministério do Trabalho, mas ela não larga o osso.

Leia Mais