Eficácia da coronovac fica abaixo de 60%

coronovac chiinesa Eficácia da coronovac fica abaixo de 60%

A taxa de eficácia geral da CoronaVac, desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, ficou abaixo dos 60%, mas acima de 50% —mínimo determinado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para aprovar o imunizante —, segundo apurou o UOL.

Duas pessoas que têm acesso ao estudo do Butantan afirmaram à reportagem que o índice da vacina, a ser apresentado oficialmente amanhã no instituto, mostra que o imunizante é eficaz para atingir a imunidade coletiva e está dentro dos padrões da OMS (Organização Mundial da Saúde).

Segundo elas, quem tomar a vacina criará anticorpos contra o novo coronavírus e, mesmo que seja contaminado, terá apenas sintomas leves, como dor de cabeça, que poderão ser tratados com medicação leve.

Uma resposta

  1. Tem que botar todos os políticos pra tomar a vacina primeiro e se essas pragas não morrer aí a gente pensa se vale a pena tomar …..porque tomar uma vacina que não resolve cem por cento o problema e meio duvidoso..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

abril 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Categorias

Digital

O TSE quer realizar o cadastro biométrico de 35,5 milhões de eleitores até as próximas eleições, em 2018. Hoje, pouco mais de 50 milhões têm

Leia Mais

‘O povo quer o liso’

O candidato a prefeito Ricardo Gurgel mostrou sua força popular ao fazer a maior carreata da campanha de Parnamirim. Tido como o candidato liso, sem

Leia Mais