“Doutora Dilma” fez pressão para que Lula fosse a exame

Antes de desembarcar em Manaus no último dia 24, Dilma Rousseff ficou ressabiada com o relato do ex-presidente Lula, seu companheiro de vôo, sobre uma rouquidão estranha e persistente, informa reportagem de Natuza Nery (Folha).

Naquela mesma segunda-feira, a presidente da República pediu à secretária uma ligação urgente assim que retornou a Brasília. “Kalil, você tem que caçar o homem. Ele não está legal”. Do outro lado da linha estava Roberto Kalil Filho, cardiologista pessoal dos dois petistas.

Quatro dias depois do telefonema de Dilma, Lula aparecia no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Menos de 24 horas depois, uma equipe do Sírio anunciava o diagnóstico: o ex-presidente iniciaria rapidamente a quimioterapia para tratar um tumor na laringe.

dilma lula cocar "Doutora Dilma" fez pressão para que Lula fosse a exame

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

fevereiro 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28  
Categorias

Apagadinha

Mas não é que a vereadora Júlia Arruda está mesmo interessada em disputar a prefeitura de Natal nas eleições de 2020. E quer contar com

Leia Mais

Sem governo, PSD desidrata no RN

A força do PSD estava no fato de o presidente estadual, ex-governador Robinson Faria, estar no poder. Finalizado melancolicamente o governo, o PSD começa a

Leia Mais