Devido ao protesto, julgamento do processo de João Maia entra na pauta, mas é adiado

joao maia jantarO julgamento do processo que acusa o deputado federal e presidente do PR no Rio Grande do Norte, João Maia, de caixa 2 na campanha de 2010, estava previsto para hoje, na sessão do pleno do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que se inicia às 14h. Porém, dificilmente, a análise processual vai mesmo ocorrer. Isso porque, devido a manifestação que vai ocorrer em Natal, a sessão do Pleno deverá ser “curtíssima” e, provavelmente, a pauta não será toda julgada nesta sessão.

A informação é da assessoria de imprensa do TRE, que confirmou que a pauta prevista não deve ser totalmente cumprida, justamente, porque a sessão vai ser encerrada mais cedo. Dessa forma, é provável que o processo seja adiado para a próxima sessão, prevista para a terça-feira. Vale lembrar que em primeira instância, João Maia já foi condenado a uma multa de R$ 4 milhões e, se essa punição for confirmada, ainda pode ficar inelegível por oito anos.

O processo contra o deputado federal  é consequência do fato de João Maia ter doado para os comitês do PR de Deputados Estaduais e Deputados Federais um montante acima do permitido pela Justiça Eleitoral, que é de 10% dos seus rendimentos brutos do ano anterior – ou seja, de 2009. Segundo a Justiça Eleitoral, como comprou ter uma renda bruta de R$ 2,9 milhões, João Maia só poderia ter doado R$ 295 mil ao PR, partido que já presidia em nível estadual naquele ano.

Do Jornal de Hoje

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

Categorias