Crise no sistema prisional chega ao Ceará

presosCE

Rebeliões, tentativas de fuga, superlotação. É nesse contexto que convivem cerca de 1,8 mil detentos da Casa de Privação Provisória de Liberdade Agente Penitenciário Elias Alves da Silva, a CPPL IV, localizada em Itaitinga, na região metropolitana de Fortaleza. No último sábado (22), uma nova tentativa de fuga foi registrada: nove presos que estavam na área de isolamento cerraram as grades superiores do local para tentar fugir, mas foram impedidos pelos agentes de segurança.

Com esse caso, já são três os momentos de tensão este ano no local. As informações são do Sindicato dos Agentes e Servidores Públicos do Sistema Penitenciário do Estado do Ceará (Sindasp-CE). No carnaval, houve tentativa de fuga parecida com a de sábado. No último dia 13, os detentos fizeram um motim e destruíram várias celas. Por causa disso, conforme o Sindasp-CE, eles estão soltos em quatro das seis “ruas” da CPPL IV, como são chamados os corredores das alas. “A qualquer momento, eles podem fazer um agente penitenciário refém e não sabemos como isso pode terminar”, alerta o presidente do sindicato, Valdemiro Barbosa. A Secretaria da Justiça e Cidadania (Sejus), responsável pela gestão das unidades prisionais do Ceará, informou, em nota, que os reparos dos danos causados ainda estão sendo feitos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Recentes

fevereiro 2023
DSTQQSS
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728 
Categorias