Com recorde na arrecadação, Fátima não paga o PROEDI há cinco meses; já falam em Impeachment

A grita é geral dos prefeitos do Rio Grande do Norte. Mesmo o Estado quebrando recordes de arrecadação em novembro, a governadora Fátima Bezerra não consegue cumprir com seus compromissos constitucionais para com os municípios potiguares. O PROEDI que é parte da arrecadação de ICMS está em atraso há cinco meses.

Pressão pelo impeachment

Enquanto a governadora Fátima está fugindo de uma das suas obrigações constitucionais, tem prefeitos pressionando a diretoria da Fermurn e já falando em pedir o impeachment da governadora por pedalada fiscal. Nos moldes de Dilma.

As últimas datas que o Secretário de Planejamento e Finanças do Estado, Ademir Freire sinalizou ao prefeito Naldinho, presidente Femurn para regularizar o pagamento tem ficado só da boca para fora. No mês de novembro, o estado arrecadou R$ 618 milhões, 20% a mais que o mês de novembro de 2019.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

janeiro 2021
D S T Q Q S S
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  
Categorias

Um ano do impeachment

Hoje, 17 de abril, faz um ano que a Câmara dos Deputados aprovou a abertura do processo de impeachment contra a então presidente Dilma Rousseff

Leia Mais

Canal de TV para Caicó

Quem será o empresário caicoense que está prestes a instalar uma Rede de TV a cabo na cidade com direito a canal local? Um pirulito

Leia Mais