Ciro já gastou mais de 1 milhão com ex-marqueteiro do PT

Ciro Gomes jamais conseguirá vencer uma eleição presidencial. Não tem base sólida. É um poço de incoerência.

Nos últimos dias Ciro começou uma briga com o PT. Certamente foi orientado no sentido de que bater no PT dá retorno. Então, dá-lhe Ciro a bater em Lula e em Dilma. Aliás, uma tarefa fácil. A informação é do Jornal da Cidade Online.

Com boa oratória, às vezes Ciro até impressiona alguns incautos, porém, o seu passado o condena.

No pleito eleitoral de 2018, quando Ciro sonhava em ter o apoio de Lula, ele chegou a ameaçar “sequestrar” o petista e levá-lo a uma embaixada, com um pedido de asilo, caso Lula tivesse sua prisão decretada.

“Se a gente formar um grupo de juristas, a gente pode pegar o Lula e entregar numa embaixada. À luz de uma prisão arbitrária, um ato de solidariedade particular pode ir até esse limite. Proteger uma pessoa de uma ilegalidade é um direito”, pregou o canastrão.

O mesmo Ciro hoje denuncia a corrupção do PT e paga R$ 250 mil por mês, com recursos do fundo eleitoral, justamente para o ex-marqueteiro do PT.

João Santana, desde abril deste ano, cuida da estratégia de comunicação e propaganda de Ciro.

Santana, como se sabe, foi o responsável pelas campanhas milionárias de Lula em 2006 e de Dilma em 2010 e 2014. Ele e sua esposa, Mônica Moura, foram presos e condenados pela Lava Jato em 2017 por lavagem de dinheiro.

Os dois fecharam um acordo de delação premiada, confessando que receberam milhões das campanhas petistas por meio de caixa dois pagos por empreiteiras. Com esse tipo de companhia, Ciro não convence ninguém.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

dezembro 2021
DSTQQSS
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031 
Categorias