02/out/2014

TSE acha quase 3 mil eleitores aptos a votar duas vezes


Por Robson Pires, em

Ao fazer uma varredura em parte do banco de dados de 24 milhões de eleitores que já fizeram o chamado recadastramento biométrico –o sistema de identificação de votantes pela impressão digital– o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) encontrou 2.671 casos de duplicidade de digitais. São 2.671 pessoas registradas como eleitores em duas ou mais seções eleitorais. Em tese, cada uma teria condições de votar mais de uma vez na mesma eleição sem que isso fosse notado pelos mesários. Em vários casos, os indícios são de falsidade ideológica e tentativa de fraude eleitoral.

Ocorrências assim, inéditas no sistema eleitoral, foram encontradas em diversos Estados. Goiás tem a maior concentração. Amazonas e Alagoas também se destacam. Há constatações de uma mesma impressão digital registrada em até dez diferentes seções. O recordista é um eleitor com as digitais em mais de 20 cartórios. Estava apto para votar mais de 20 vezes. A Polícia Federal foi chamada para investigar. Sem dar todos os detalhes da varredura –ainda em andamento– o corregedor-geral da Justiça Eleitoral, ministro João Otávio de Noronha, e o secretário de tecnologia da informação do TSE, Giuseppe Janino, confirmaram as informações para a Folha.

14275103


Nenhum Comentário Até o Momento, Seja o Primeiro a Comentar!

Deixe o seu comentário!

Twitter Facebook Instagram E-mail

  • 00
  • :
  • 00
  • :
  • 00
Sábado, 23 de Fevereiro de 2019


Buscar no Blog



Fan Page. Curta!





Calendário

fevereiro 2019
D S T Q Q S S
« jan    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728