Brasil terá Dia Nacional do Desarmamento Voluntário

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva deverá assinar, nos próximos dias, um decreto transformando o primeiro sábado de julho no Dia Nacional do Desarmamento Voluntário. Até agora, o desarmamento dos cidadãos brasileiros, que passará a ser uma política de Estado, era incentivado por campanhas esporádicas iniciadas em 2003.

Mesmo que o desarmamento voluntário passe a ficar centralizado em uma data fixa no calendário, os brasileiros poderão entregar armas de fogo em qualquer dia do ano. Os postos de entrega das armas são as unidades da Polícia Federal, das delegacias de polícia, igrejas e lojas de maçonaria.

A iniciativa do governo foi confirmada ontem (22) em nota do ministro da Justiça, Luiz Paulo Barreto, divulgada no encerramento de um seminário internacional que, durante dois dias, reuniu em Brasília autoridades do Brasil, da Argentina, de Moçambique, Angola e da Colômbia para a troca de experiências sobre o desarmamento em seus países.

2 respostas

  1. Há tão poucos dias, uma matéria do blog de F.Gomes teve repercussão nacional, que foi a noticia que em caicó havia a denuncia que políticos estariam tramando a trocar de votos por craque. Acho que a investigação não pode excluir esse fato. Seria ótimo que a POLICIA FEDERAL entrasse na apuração desse caso, pois, talvez esse crime possa ter tido relação com a denuncia da compra de votos por craque.

  2. Se a DILMA entregar suas armas, servirá de exemplo para o restante dos Brasileiros! Vamos lá DILMA, ao menos isso por nós, você não vai precisar mais da metralhadora nem do fuzil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

junho 2021
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  
Categorias