Audiência pública discute violência doméstica na Assembleia

violencia mulher

A violência dentro das residências do Rio Grande do Norte foi tema de discussão na tarde desta quarta-feira (20). Por proposição da deputada Cristiane Dantas (PCdoB), diversos órgãos públicos e representantes da sociedade civil organizada discutiram ações capazes de diminuir casos de agressões e crimes dentros dos lares. Na audiêcia, os presentes elogiaram dois projetos apresentados pela parlamentar ligados à proteção das mulheres.

Contando com as presenças dos deputados Hermano Morais (PMDB) e Márcia Maia (PSB), a audiência levantou a discussão sobre o tema que está dentro da “Semana Nacional de Justiça Pela Paz em Casa”. A falta de ações efetivas para coibir a aproximação de criminosos às vítimas de agressões e a dificuldade em difundir a cultura de respeito às mulheres foram alguns dos pontos abordados. Para tentar minimizar os problemas, a deputada Cristiane Dantas apresentou dois projetos.

No primeiro, que foi apresentado e tramita na Casa, a deputada sugeriu a criação do Mês de Proteção à Mulher, sempre em agosto, inserindo no calendário oficial do Rio Grande do Norte a campanha para buscar a mudança cultural do machismo e, assim, contribuir para erradicar a violência contra as mulheres.

Na segunda proposta, que também já está em tramitação, a parlamentar propõe a criação da Patrulha Maria da Penha, onde residências e locais de trabalho de mulheres que foram vítimas de agressões e tenham medida protetivas determinadas pela Justiça deverão ser patrulhados pela Polícia Militar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

abril 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Categorias

Haja pães

A Prefeitura de Goianinha publicou no Diário Oficial a compra licitada de R$ 158 mil em pães de cachorro quente. O prefeito Berg Lisboa (PSD)

Leia Mais