Atropelando ordem judicial, Dr. Tadeu começa a demitir funcionários do Hospital do Seridó, em Caicó (RN)

O prefeito de Caicó (RN), Dr Tadeu, resolveu ignorar a ordem judicial proferida no processo 0104503-72.2016.8.20.0101 pelo juiz Luiz Antônio Tomaz do Nascimento de não demitir os funcionários do Hospital do Seridó, salvo quando realizado concurso público para as vagas.

No ano passado, tanto o Ministério Público quanto o Município de Caicó recorreram da decisão e não conseguiram reverte-la no Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte.

O prefeito recém empossado parece que achou uma solução mais simples: fez de conta que a decisão não existe.

A pena para o prefeito que descumpre decisão judicial é de até 3 anos de prisão, perda do mandato e proibição de exercer cargo público por 5 anos (art. 1°, XIV, do Decreto-Lei 201/67)

Uma resposta

  1. Mal começou e já tá na hora de pegar o beco , vazar, se escafeder. Cabra ruim desse jeito , não irá fazer falta alguma. Será um alívio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

março 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
Categorias

José Agripino caiu na quadrilha

Calma! Foi numa quadrilha junina! – O senador José Agripino Maia esteve em Patu participando do encerramento do 9º Festival Regional de Quadrilhas Juninas na

Leia Mais

Fátima contra Kelps

A governador Fátima Bezerra enviou para a Assembleia Legislativa um projeto que anula uma lei criada pelo deputado Kelps Lima que beneficia idosos nos pagamentos

Leia Mais